terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Yuki-onna

Yuki-onna (significa literalmente mulher de neve) é um espírito de gelo do folclore japonês, sendo uma criatura comum de animações e mangás. Segundo a lenda, a Yuki-onna costuma ser vista em áreas remotas durante a noite em tempestades de neve, ao encontrar homens canta para seduzi-los, fazendo com que se percam na nevasca e morram congelados ou simplesmente lança uma rajada fria que os congelam imediatamente.
Em algumas versões ela invade casas, derrubando a porta com rajadas de vento e congela a todos enquanto dormem, porém em outras versões ela possui um quê vampiresco, podendo entrar em moradas apenas ao ser convidada, também tendo o hábito de seduzir homens para drenar energia vital através do sexo ou de um simples beijo.
Algumas poucas histórias não a relatam como maléfica, mas sim como uma mulher que se apaixona e casa e até constitui família. No entanto, termina por desaparecer entre a neblina.
É descrita como uma mulher alta e bela, de longos cabelos negros e pele extremamente pálida. Costuma aparecer nua ou com um quimono branco. Diz-se que por sua habilidade de flutuar pela neve sem deixar pegadas talvez ela não possua pés. Ela seria o fantasma de uma mulher que congelou até a morte durante uma tempestade de neve, ou talvez o próprio espírito da neve.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Contos da Taberna Disponível

Finalmente, após todo esse tempo de espera, Contos da Taberna foi registrado devidamente e está disponível. Porém, mais do que isso, ele vem dotado de ilustrações próprias e com um mapa.
O livro está disponível em PDF e EPUB completamente gratuito. Para acessá-lo basta dar uma olhadinha na página lateral "livros disponíveis".

Além disso, estou testando a plataforma/site de publicação "Watpadd", onde os capítulos são publicados aos poucos. Caso seja aprovada, possuirá em breve o livro completo para leitura também.

Qualquer sugestão, comentário, elogio ou crítica é muito bem vindo. Para isso pode acessar a sessão "me encontre" ou fazer aqui mesmo nos comentários.

Os contos inclusos devem continuar sendo publicados individualmente no blog, porém não incluirão as imagens autorais e o mapa, aos quais serão exclusivos do livro.

Desejo a todos uma boa leitura!


"Contos da Taberna perpassa pela vida de Dante, contando suas aventuras ao tentar sobreviver no mundo complicado de Asgrich.
  O livro serve de introdução para uma nova mitologia inspirada em fantasias medievais, repleta de deuses e as mais variadas criaturas, sendo quase sempre um acaso seus encontros com Dante.
  Contos da Taberna é uma edição com ilustrações próprias, contendo inclusive um mapa para auxílio na imaginação e visualização do cenário deste novo e intrigante mundo."


 



sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Kappa

Kappa é um espírito anfíbio do folclore japonês, podendo ser tanto maléfico quanto benéfico. Quando desenvolvido possui o tamanho de uma criança de cerca de 10 anos.
O kappa é descrito com uma pele escamosa esverdeada, o rosto de macaco, costas de tartaruga e mãos e pés com membranas, tornando-o um excelente nadador. Além disso, o espírito possui uma depressão no topo da cabeça em forma de tigela ao qual usa para sempre guardar água quando sai dos lagos, rios ou lagoas para ir a terra caçar suas presas, mantendo, desta forma, seus poderes e força sobrenaturais.
Os kappas maléficos saem de seus habitats em busca de sugar entranhas, comer fígados e beber sangue. Já os kappas benéficos são representados como inteligentes e honrados. A lenda conta que os humanos aprenderam a curar fraturas de ossos com um kappa, que ofereceu o aprendizado em troca do braço amputado.
Kappas quando possuem braços e pernas machucados podem atá-los novamente ao corpo, tornando-os saudáveis em apenas alguns dias.
A melhor maneira de dominar um kappa é cumprimentá-lo diversas vezes curvando a cabeça (cumprimento típico japonês). Isto fará o espírito curvar-se em resposta devido tamanha cortesia, no entanto o líquido do topo de sua cabeça irá escorrer, obrigando-o a voltar para o lar nas águas. Outra estratégia eficaz é oferecer pepinos, pois é um de seus alimentos favoritos. Conta-se que riscar o nome de parentes no pepino e jogar no rio protege os familiares contra os kappas mal intencionados, pois ao comer os pepinos tornam-se obrigados a não prejudicar essas pessoas.

sábado, 1 de outubro de 2016

Centauros

Centauros são criaturas da mitologia grega descritas com o dorso, braços e cabeça de homem, enquanto possui da cintura para baixo com característica de cavalo. Segundo a lenda, estes seres vivam nas montanhas de Tessália, localizada na região central do território grego, e nos bosques das planícies de Arcádia, localizados na região central da península do Peloponeso. Eram divididos em duas famílias:

1. Filhos de Íxion, o rei dos Lápitas, e Nefele, a deusa das nuvens. Estes representavam a força bruta, insensata e cega, alimentando-se de carne crua. A lenda conta que Íxion planejava seduzir Hera, mas Zeus o enganou criando uma nuvem ("nefele", em grego) com o formato da deusa, fazendo com que Íxion mantivesse relações sexuais, não com Hera, mas com a nuvem.
2. Filhos da ninfa oceânide Filira e do titã Cronos. Estes representavam o oposto de seus irmãos, isto é, a força aliada à bondade, estando a serviço dos bons combates. A lenda conta que Cronos transformou-se em cavalo para fugir da esposa Reia e engravidou a ninfa Filira, dando origem ao filho Quíron, conhecido por sua inteligência, civilidade e bondade. No entanto, sua mãe ficou horrorizada com sua aparência e o abandonou. Foi encontrado e criado, portanto, por Apolo, que lhe ensinou todos os seus conhecimentos: artes, música, poesia, ética, filosofia, artes divinatória e proféticas, terapias curativas e ciência.

Os centauros eram metáforas para a luta humana entre razão e instintos: a parte inferior, representada pela cavalo, era responsável pela força física, brutalidade e impulsos sexuais. Enquanto a parte superior, representada pelo humano, simbolizava a racionalidade e capacidade de analisar e refletir.

O mito mais conhecido sobre os centauros conta sobre o casamento da princesa Hipodâmia e do rei lápita Pirítoo. Os centauros haviam sido convidados para o casamento, porém tentaram sequestrar a noiva depois de se embriagarem de vinho. Os lápitas então ficaram irados e iniciaram uma guerra entre centauros e humanos, onde grande parte dos centauros foram dizimados.
Cenas desta batalha foram esculpidas no Partenon, dedicado à deusa Atena.

domingo, 10 de abril de 2016

Mothman


Mothman ou Homem Mariposa é uma criatura sobrenatural estudada na criptozoologia. É descrito como um homem marrom com asas de mariposas (ou de morcegos em alguns casos) e com enormes olhos vermelhos e luminosos. Seus ruídos são descritos como de um disco tocado em alta velocidade ou um guincho de camundongo. Ele é comumente avistado previamente ao acontecimento de grandes tragédias, sendo associado profeticamente a elas, e juntamente com OVNIS.

Segundo o livro "Estranhas Criaturas do Tempo e do Espaço", de John A. Keel, a criatura foi relatada pela primeira vez em Ohio, no ano de 1959, pela esposa de um médico que o avistou sobrevoando rapidamente o pátio de sua casa, identificando-o como uma borboleta colossal. No mesmo local, outras testemunhas relataram um som estranho, sem saber do que se tratava, perceberam o som como se emitido por um grande rato.
Ainda na cidade de Ohio houveram diversos pequenos relatos sobre a criatura:
1960: Foi avistada por pai e filha em um acostamento.
1965: Próximo a Ohio River uma mãe relatou descrições de um "anjo" segundo descrições do que seu filho havia visto.
1966: Relatos do avistamento de uma borboleta gigante.

Em 12 de novembro de 1966, perto de Clendenin - Virginia, a criatura foi relatada por cinco homens que preparavam um túmulo. Eles contaram estar trabalhando quando avistaram algo que parecia uma pessoa, porém pouco depois levantou voo, passando sobre suas cabeças.

A partir daí, em 15 de novembro de 1966, os relatos passaram a vir de uma outra cidade, Point Pleasant. O primeira avistamento nesta cidadezinha foi de dois casais que saiam da cidade de carro, passavam por uma fábrica de TNT da Segunda Guerra Mundial quando avistaram duas grandes luzes vermelhas. Curiosos, pararam o carro para verificar e quando se aproximaram perceberam tratar-se dos olhos de um animal: "como um homem, só que maior, entre 1,80m e 2,10m, com duas grandes asas recolhidas às costas". Quando o ser dirigiu-se à porta da fábrica os jovens fugiram amedrontados, mas chegando na estrada avistaram a mesma criatura (ou semelhante) na encosta abrindo as asas (descritas como parecidas a de morcegos) e levantando voo, seguindo o carro após isso.
Mais tarde quando a área foi verificada nenhuma criatura foi encontrada, mas durante a noite uma casa próxima à fábrica sofreu um fenômeno poltergeist. Em Salém (há 90km) também foi relatado por um senhor interferências em sua tv, seguida de um encontro com a criatura de mesma descrição do Mothman.
Após esses diversos encontros com o criptóide a criatura foi batiza de "Mothman" em um jornal de Ohio.
Em Point Pleasant houveram inúmeros casos relatados sobre a criatura, alguns deles foram:
16 de Novembro de 1966: Novamente na fábrica de TNT uma família avistou o ser enquanto se dirigia para casa de alguns amigos.
18 de Novembro de 1966: Mais uma vez na fábrica, dois bombeiros avistaram a criatura.
21 de Novembro de 1966: Richard West, em Charleston, chamou a polícia ao avistar um animal alado, enorme e com olhos vermelhos sentado no telhado de seu vizinho.
24 de Novembro de 1966: Quatro pessoa o avistaram novamente na área da fábrica de TNT.
25 de Novembro de 1966: Foi avistado por um motorista, sendo confundido inicialmente com um helicóptero.
Em 1967 os relatos cessaram por um tempo após a queda da Silver Bridge, ponte que ligava Ohio e Point Pleasant, matando 46 pessoas. Investigações indicam que a tragédia aconteceu devido o rompimento de um único cabo de sustentação. O Mothman foi avistado próximo da área naquele dia, levando a teorias de seu envolvimento ou o associando a profecias trágicas.
Sua associação a previsão de acontecimentos trágicos foi ressaltada após relatos de avistamento precedentes a um terremoto na cidade do México em 1985, o acidente nuclear de Chernobyl em 1986 e a queda das Torres Gêmeas de Nova York em 2001

Anterior a isto, houve relatos da aparição de uma criatura bastante semelhante em 18 de setembro de 1877 a 1880 em New York Sun, porém sem confirmações e com informações bem vagas.

Além de Chernobyl, o único outro avistamento em destaque da criatura, na Europa, foi na Inglaterra em 16 de outubro de 1997. Segundo os relatos quatro jovens o avistaram próximo a um OVNI em uma estrada rural perto de Sendling Park.

No total, foram documentadas 26 observações com descrições do Mothman na Virgínia Oeste entre 1966 e 1967. Histórias semelhantes continuaram a ser descritas em Point Pleasant até 1969. Depois da década de 60, o Mothman deixou de ser relatado significantemente.


Teorias

1. A primeira teoria diz que o Mothman nasceu na área TNT, isto é, na fábrica de TNT ao qual também eram estocados outros produtos químicos pelas forças armadas durante a Segunda Guerra Mundial para fabricação de armas. Então, teoriza-se que o Mothman seria algum tipo de experiência genética usada como arma na Segunda Guerra, mas trancada no TNT.
2. A segunda teoria aborda o Mothman como um extraterrestre devido sua constante aparição junto com OVNIS.
3. Antes de morrer, Shawnee Chieftain Cornstalk amaldiçoou Point Pleasant por 200 anos, algumas pessoas, portanto, associam o Mothman à sua maldição.
4. Estudiosos do caso deduzem que Mothman pode ser na verdade "Tyto Alba", uma coruja que se esconde em celeiros e só sai durante a noite.
5. Em Londres, a teoria do surgimento do Mothman foi associada à demolição do teatro Egyptian Hall, em 1903. Este teatro era uma conhecida Casa do Mistério e Centro de Ilusionismo. Após sua demolição encontraram-se vestígios de cavernas que serviam para acobertar o esconderijo de uma organização secreta, The Seven Circle. Através dessas cavernas acessava-se vários túneis e metrôs da cidade, explicando porque sempre a criatura era vista em subterrâneos. Quanto a criação do Mothman não se sabe, mas acreditava que a sociedade secreta mantinha diversos segredos e criaturas misteriosas em seus domínios.

Fonte principal: Você Acredita?